Onde se respira música.

25/07/2015

Coheed and Cambria: "Good Apollo..." de um jeito diferente

Faz cerca de 10 anos que "Good Apollo, I'm Burning Star IV, Volume One: From Fear Through the Eyes of Madness", terceiro álbum de estúdio da banda de prog rock Coheed and Cambria, foi lançado. E mesmo uma década depois, o álbum e a banda ainda passam despercebidos no Brasil. Mesmo após terem feito parte do lineup do Rock In Rio IV, em 2011, o som do grupo não caiu nas graças dos brasileiros. Talvez pelo fato de em sua noite no festival ter sido ofuscado por nomes como Motörhead, Slipknot e Metallica.

Fato é que "Good Apollo..." é o melhor disco da banda, - se não o ouviu, ouça aqui - sendo conceitual, como a maioria dos álbuns que são de prog rock; sendo longo - tendo 1h11 de duração - como característica do subgênero, entre outros detalhes. Mas algo tão audacioso e longo merece uma audição minuciosa, o que nem sempre é fácil. E então, da melhor forma possível, Matthew Chastney, ao que parece, entusiasta da banda, disponibilizou no YouTube um novo arranjo para o álbum. Algo totalmente orquestrado, suavizado e contendo muitos elementos, trazendo novas texturas, e o tornando mais "digestível", ao encurtar o álbum de 1h11 para menos de meia hora. Um trabalho brilhante e impecável. Muito diferente do que o Apocalyptica fez com o songbook do Metallica, por exemplo.

Matthew também fez outros arranjos de outros álbuns da banda, e você pode conferir no canal dele.

Confira:
Share:

Tradução

Feed

Digite seu email abaixo:

Instagram

Twitter