Onde se respira música.

17/04/2014

Beastie Boys: Ecoando como o Pink Floyd


Essa vai para um daqueles momentos de surpresa da história da música. Você pode lembrar do cover do Children of Bodom para "Ooops, I did it Again" da Britney Spears, e ter certeza que nada superará tamanha surpresa. Mas, nesse caso, mesmo se tratando dos Beastie Boys, que tiveram - e ainda têm - N influências eu sem som, ver o antes trio (após a morte de MCA) usar uma referência tão clássica e distante da banda, ainda que eles usem o hardcore, o punk (no início eles eram uma banda punk), o rap e a eletrônica, soa ousado a homenagem, ou sátira, feita pela banda. Como se não bastasse imitar o ambiente em que "Echoes", do Pink Floyd, foi gravada, ou seja, no meio do nada, em Pompeii, na Itália, o grupo ainda espalha as caixas de som marcadas com "Pink Floyd" e "London".

O contraste, porém, é perfeito, já que "Echoes" tem seus 24 minutos e se arrasta com tanta idiossincrasia. "Gratitude", entretanto, com seus 3 minutos mostra voracidade capaz de encher os olhos daqueles que não conhecem a banda, que podem crer que se trata de uma banda de rock alternativo dos anos 90, quando, na verdade, não podemos de maneira alguma rotular uma banda como os Beastie Boys.

Enjoy!



Share:

Tradução

Feed

Digite seu email abaixo:

Instagram

Twitter