Onde se respira música.

29/09/2013

Pearl Jam - "Do The Evolution": As desgraças do mundo em 4 minutos


Para os tr00s, a única música boa do Pearl Jam. Mas "Do The Evolution" transcende as barreiras dos gostos musicais e dos gêneros. A mensagem atinge à todos. Ou melhor, "as mensagens", pois isso é o que não falta nela. São cerca de quatro minutos com todas as desgraças causadas pela humanidade até hoje.

"Do The Evolution" faz parte do quinto álbum de estúdio da banda de Seattle, "Yield". Além de num momento de plena maturidade, essa canção pode ser considerada o auge de composição de Eddie Vedder e cia.

Vocais cortantes, riff consistente e peso constante, além de uma letra "soco no estômago" fazem dessa uma das melhores canções dos anos 90 e da história do Rock.

O clipe começa com a famigerada "lei da sobrevivência", e mostrando que o ser humano quer ser dominante, mas nunca é racional. Isso desde a Idade Média. A escravidão que assolou o mundo há pouco mais de dois séculos é retratada, assim como a matança de animais, que existe até hoje. Temas como a indústria bélica e o nazismo também são abordados. A Ku Klux Klan (associação extremista em favor do racismo) aparece. A selva de concreto em que o planeta se transformou é citada. A violência sempre está presente. Os experimentos em animais são mencionados com repúdio.

"I'm a thief, I'm a liar / There's my church, I sing in the choir" ("Eu sou um ladrão, eu sou um mentiroso / Essa é minha igreja, eu canto no coro"é uma ótima forma de satirizar a igreja, que é tratada como um negócio. É um "te cuida, Edir Macedo".

Aos 2:04, uma garota corre pelo campo, aparentemente assustada, e pisa num formigueiro, seguido de explosões, como se isso fosse um aviso de que você está acabando com a Terra, e nem percebe. Há também o indício de que em breve a tecnologia vai nos dominar de vez, mas em proporções absurdas. A garota durante todo o clipe seria a tentação materializada, e também o Diabo, que de tudo vê e apenas ri. Mas a principal mensagem é de que tudo isso é causado pelo capitalismo, e posterior consumismo. Nota-se isso aos 3:11, com os bebês sendo carimbados com códigos de barra.

Confira o clipe a letra logo abaixo:




"Eu estou a frente, eu sou o homem
Eu sou o primeiro mamífero a usar calças, yeah
Eu estou em paz com minha luxúria
Eu posso matar pois em Deus eu confio, yeah
É a evolução, baby!

Eu estou em paz, eu sou o homem
Comprando ações no dia da quebra
No frouxo, eu sou um caminhão
Todas as colinas rolantes, eu irei aplanar todas elas, yeah
É comportamento de rebanho,
É a evolução, baby!

Me admire, admire meu lar
Admire meu filho, ele é meu clone
Yeah yeah, yeah yeah
Esta terra é minha, esta terra é livre
Eu faço o que eu quiser, irresponsavelmente
É a evolução, baby!

Eu sou um ladrão, eu sou um mentiroso
Esta é minha igreja, eu canto no coro
(Aleluia, Aleluia)

Me admire, admire meu lar
Admire meu filho, admire minhas roupas
Porque nós conhecemos, apetite por banquete noturno
Esses índios ignorantes não tem nada comigo
Nada, por quê?
Porque é a evolução, baby!

Eu estou a frente, eu sou avançado,
Eu sou o primeiro mamífero a fazer planos, yeah
Eu rastejei pela terra, mas agora eu estou alto
2010, assista isso ir para o fogo
É a evolução, baby!
É a evolução, baby!
Faça a evolução
Venha, Venha , Venha"
Share:

Tradução

Feed

Digite seu email abaixo:

Instagram

Twitter